Check-up divino

Este é o último domingo de 2014. É tempo de avaliação. Olhamos para o passado com profunda gratidão, para o presente com súplicas aos céus e para o futuro com renovada esperança. Precisamos fazer um check-up da nossa alma para diagnosticarmos os males que nos enfraquecem. Precisamos cuidar preventivamente da saúde da nossa alma, adotando uma rica dieta da palavra e exercitando regulamente a nossa fé, através de uma obediência alegre e sem tardança. Precisamos ser fortalecidos com poder, mediante o Espírito, a fim de vivermos os dias que nos restam neste mundo para a glória de Deus. Que o ano de 2015 seja um tempo ainda mais venturoso para semearmos com fartura a fim de fazermos uma colheita ainda mais abundante.

Nosso check-up pode ser, entretanto, deficiente. Mas, o check-up divino é preciso e confiável. Diz a Escritura: “O crisol prova a prata, e o forno, o ouro; mas aos corações prova o Senhor” (Pv 17.3). O coração do homem é um país distante, povoado por muitos, compreendido por poucos. Alcançamos as alturas excelsas das conquistas mais esplêndidas. Dominamos o espaço sideral. Chegamos à lua e fazemos pesquisas interplanetárias. Mergulhamos nos segredos da ciência e agilizamos de forma exponencial o processo da comunicação. Viramos o universo pelo avesso diagnosticando suas entranhas, mas não conseguimos entender profundamente o nosso próprio coração. Não conhecemos plenamente a nós mesmos. Não sondamos suficientemente a nós mesmos. Não administramos completamente as cogitações que brotam do nosso próprio interior. Nosso coração, não raro, nos engana. Jesus disse que é do coração que procedem os maus desígnios, como a prostituição, os furtos, os homicídios, os adultérios, a avareza, as malícias, o dolo, a lascívia, a inveja, a blasfêmia, a soberba e a loucura. Só Deus pode nos examinar e nos conhecer exaustivamente. Assim como o crisol prova a prata e o forno o ouro, assim, só Deus pode provar quem realmente somos. O salmista depois de falar da onisciência, onipresença e onipotência de Deus, orou, e disse: “Sonda-me, ó Deus, e conhece o meu coração, prova-me e conhece os meus pensamentos; vê se há em mim algum caminho mau e guia-me pelo caminho eterno”.

Que Deus nos conceda graça para deixarmos para trás atitudes indignas. Que Deus nos ajude a sermos homens e mulheres cheios do Espírito Santo. Que nossas palavras sejam fontes de vida para os aflitos. Que nossas ações sejam cheias da bondade de Deus. Que nossas orações subam aos céus como aroma suave diante do Pai. Que nossos pés sejam céleres para anunciarmos ao mundo o evangelho de Cristo!

1 Comentário

  • Marcelo Tavares Posted 30 de janeiro de 2015 13:10

    Uma vida aos pés de Cristo é o que precisamos. Entender que um dia estaremos diante do Senhor isso me faz viver com temor. Jesus me guia pela vereda da justiça por amor ao teu nome.
    Faze-me andar na vereda dos teus mandamentos, porque nela tenho prazer. Salmos 119:35
    Que Deus e nosso Senhor Jesus a todos abençoe.

Responder

Resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *