Deus, a nossa completa provisão

O Salmo 23 é o texto mais conhecido da Bíblia. Milhões de pessoas conhecem-no de cor. Sua mensagem tem sido bálsamo para os feridos, consolo para os tristes, refúgio para os desesperados. Vemos nesse texto, a sublime verdade de que Deus é a nossa completa provisão. A maior necessidade nossa não é das bênçãos de Deus, mas do próprio Deus das bênçãos. O doador é mais importante do que a dádiva. Só Deus nos satisfaz. Quem é Deus?

1. Jeová Roí – Esse termo significa: “O Senhor é o meu pastor”. O pastor é aquele que alimenta, protege, guia, disciplina e restaura. Deus é quem nos conduz pelas veredas da justiça e nos faz descansar nos pastos verdes. Ele está conosco quando cruzamos os vales escuros e nos prepara uma mesa farta no deserto. Ele é o pastor que nos acolhe nos braços e nos dá segurança.

2. Jeová Jireh – Esse termo significa “O Senhor proverá”. Davi diz: “O Senhor é o meu pastor, nada me faltará” (v. 1). O nosso pastor é também o nosso provedor. Ele é a fonte de todo o bem. Dele procede toda boa dádiva. Quando os nossos recursos acabam, ele continua com seus celeiros abarrotados. Ele nos abençoa com toda sorte de bênção. Temos não apenas suas dádivas, mas também, sua presença. Esta é de todas, a melhor provisão.

3. Jeová Shalom – Davi nos diz que o Senhor nos faz repousar e nos dá descanso (v. 2). Deus não apenas nos dá paz, Ele é a nossa paz. A nossa paz não é ausência de problemas. Ela não é circunstancial. Nossa paz é uma pessoa divina. O próprio Deus é a nossa paz. Ele é o Jeová Shalom, que está conosco nas horas turbulentas da nossa vida, como nossa fortaleza e refúgio.

4. Jeová Rafá – Davi diz que Deus refrigera a nossa alma (v. 3). Ele é quem terapeutiza a nossa alma, cura o nosso corpo e refrigera o nosso coração. Ele é quem sara todas as nossas enfermidades, sejam elas do corpo ou da alma. É ele quem leva as dores sobre si e abre para nós uma fonte de consolo e refrigério. Nele temos vida, cura, perdão e salvação.

5. Jeová Tsekanu – Davi nos informa que Deus nos guia pelas veredas da justiça (v. 3). Mas, antes disso, ele é a nossa justiça. Só andamos pelas veredas da justiça, porque fomos justificados. Pelo sangue de Cristo, nossos pecados foram cancelados, nossa dívida foi paga e toda as demandas da lei e da justiça foram plenamente satisfeitas pelo sacrifício substitutivo de Jesus. Cristo, nosso pastor, é também nossa justiça.

6. Jeová Shamah – Davi nos fala que Deus não nos abandona jamais, mesmo que cruzemos o vale da sombra da morte (v. 4). Ele é Deus presente, Jeová Shamah. Ele nunca nos desampara. Mesmo que sejamos infiéis, ele permanece fiel. Ele é como a sombra à nossa direita. Ele é quem nos carrega no colo, nos segura pela mão direita, e ao fim, nos recebe na glória. Jesus prometeu estar conosco sempre, até a consumação dos séculos. Não precisamos temer nada nem ninguém, porque o Deus onipotente é a nossa companhia constante.

7. Jeová Nissi – Davi nos informa que Deus nos dá vitória sobre os nossos inimigos (v. 5). Ele prepara uma mesa para nós na presença dos nossos adversários. Ele nos honra, derramando óleo sobre a nossa cabeça e nos proporciona profusa alegria, fazendo o nosso cálice transbordar. Deus é a nossa bandeira e nossa vitória.

Rev. Hernandes Dias Lopes.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *