Ecumenismo, avanço ou uma ameaça à igreja?

Está na moda o diálogo inter-religioso. Vivemos a época do inclusivismo, fruto da ideia pós-moderna, que não existe verdade absoluta. Muitos pastores, em nome do amor, sacrificam a verdade e caem nessa teia perigosa do ecumenismo. Precisamos afirmar que não existe unidade espiritual fora da verdade, assim como luz e trevas não podem coexistir. Não podemos ser um com aqueles que negam a salvação pela graça de Cristo Jesus. Não é um ato de amor deixar que aqueles que andam pelo caminho largo da condenação sigam “em paz” por esse caminho de morte. Esse falso amor tem cheiro de morte. Essa atitude de dar as mãos a todas as religiões, numa espécie de convivência harmoniosa, acreditando que toda religião é boa e leva a Deus é uma falácia. Toda religião é vã a não ser que pregue a Cristo, e este crucificado. Toda religião afasta o homem de Deus, a não ser que anuncie Jesus Cristo como o único caminho para Deus! Vamos deixar esse discurso falacioso de amor a todos, e vamos amar de verdade às pessoas, de todas as religiões, pregando a elas, com senso de urgência, o evangelho que exige arrependimento e fé e oferece vida eterna.

Obviamente, a união de todas as religiões e de todas as crenças não é um avanço, mas uma ameaça à igreja de Cristo. O que está por trás dessa tentativa de unir todas as crenças é a heresia de que toda religião é boa e todo o caminho leva a Deus. O ecumenismo, o diálogo inter-religioso e a fraternidade com todos os credos é um engano fatal. É um falso entendimento do que Jesus ensinou sobre a unidade espiritual da igreja. Não há unidade espiritual fora do evangelho de Cristo. O argumento de que Jesus acolheu publicanos e pecadores e por isso devemos receber todos os credos é uma falsa interpretação do texto bíblico. O amor não é um substituto da verdade. Todos são convidados a vir a Cristo, mas de todos é exigido arrependimento e fé.

É preciso alertar, ainda, que essa frouxidão doutrinária do liberalismo desemboca na relativização moral. O entendimento pós-moderno é que cada um tem sua própria verdade. A verdade deixou de ser objetiva para ser subjetiva. Com isso, assistimos, estarrecidos, não apenas um ataque aos valores morais, mas uma inversão dos valores morais. O profeta Isaías já havia denunciado essa atitude: “Ai dos que ao mal chamam bem e ao bem, mal; que fazem da escuridade luz e da luz, escuridade; põem o amargo por doce e o doce, por amargo!” (Is 5.20). É isso que estamos vendo na mídia todos os dias. Faz-se apologia do aborto, do adultério, do homossexualismo, da violência e da mentira. Porque uma ideia falsa foi plantada no passado, estamos fazendo uma colheita desditosa no presente. A igreja de Cristo precisa estar firme contra todas essas ondas de engano e permanecer inabalável no cumprimento de sua vocação de levar o evangelho a toda criatura, em todo o mundo.

7 Comentários

  • Rev. Hélio Posted 17 de outubro de 2012 9:38

    Sabias palavras, podemos dizer: simplismente perfeito.

  • Leonardo Corrêa Posted 22 de outubro de 2012 11:48

    Palavra apropriada aos dias atuais. Que Deus nos abençoe para sabermos separar o certo do errado, e para que possamos saber dar respostas ao relativismo.
    As pessoas tem brincado com a palavra de Deus nas universidades; a sociedade tem brincado de pecar e tratado Deus como um ‘bonzinho’… mas Ele é JUSTO e FOGO CONSUMIDOR… até alguns líderes religiosos tem tratado Deus como um objeto de conquistas… o Criador têm sido feito criatura por muitos…
    Que Deus nos livre desses enganos!

  • Adivar José de Oliveira Neto Posted 25 de outubro de 2012 7:57

    Concordo plenamente. Só que precisamos separar os diversos movimentos ecumenicos existentes. Por exemplo temos o CMI Conselho Mundial das Igrejas que tenta reunir todos aqueles que creem em Jesus Cristo como unico DEUS SALVADOR para discutir assuntos de interesse comum respeitando as diferenças denominacinais. Que fica difícil entre os que pregam a CRISTO como Salvador viver se bicando por ai.

  • wellington Messias Airão Posted 4 de novembro de 2012 10:52

    Bom dia!
    A começar em min….[ Ecumenismo ] não.
    Continuemos a levar as Boas Novas do Evangelho… nos grandes centros Regionais e nas pequenas Cidades…. vila.. roça…etc.

    Graça e Paz.

  • Gomes Posted 8 de novembro de 2012 10:42

    Bom dia !
    Obrigado pelo texto riquíssimo.. No entanto..não foram, nós, protestantes que começaram o movimento ecumênico no empreendimento missionário no século passado? Conferências missionárias mundiais como de Edimburgo em 1910 tiveram o propósito de levar o Evangelho aos continentes não alcançados sem levantar bandeira denominacional… concordo com o rev, Hernandes na menção de todos os credos e religiões… de fato é falácio e engodo de satanas.. mas a todos que professarem Jesus Cristo como único e suficiente Salvador está enxertado na verdadeira videira.. ótimo reflexão do reverendo.. muito obrigado

  • Pb Fabiano Beiruth Posted 3 de janeiro de 2013 10:34

    Alguns afirmam ser uma estrategia para arrebanhar almas para Cristo. No entanto, a verdade não é essa! Por exemplo: aqui no trabalho, é feito todo final de ano um culto ecumenico. Os pregadores são: um padre e um pastor. Ou seja, agrada gregos e troianos. A verdade absoluta e incontestavel de Deus é maquiada uma vez que “há” uma preocupação em agradar a todos. Sou completamente contra este movimento! Faça um experiencia: chame qualquer pessoa que diz ser cristã (catolico, humbandista, etc.) de crente. A resposta é: Deus me livre! Odeio esses crentes! Ora, se ela se diz cristã, por que o ódio? Simples! Porque somos diferentes! Escolhemos Jesus, mas não como eles. Cremos em Jesus, mas não como eles. Servimos a Jesus. mas não como eles.Portanto, que fique o alerta: O mundo nos odeia por causa de Jesus Cristo! Ecuminismo é uma mentira maquiada em diálogo inter-religioso.

  • Missionário Rosivaldo Posted 22 de maio de 2014 14:04

    Reverendo Hernandes, suas palavras são oportunas nestes dias de escuridão onde as pessoas correm a largos passos em direção ao abismo da falsa religiosidade e do pragmatismo. Ler seus textos me levam a acreditar que ainda há profetas de Deus que falam com ousadia a palavra de Deus. Que Deus continue lhe usando ricamente.

Responder

Deixe uma resposta para Missionário Rosivaldo Cancelar resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *