QUANDO DEUS RESTAURA A NOSSA SORTE

“Mudou o Senhor a sorte de Jó, quando este orava pelos seus amigos; e o Senhor deu-lhe o dobro de tudo o que antes possuíra” (Jó 42.10).

            Jó não é um mito nem o livro de Jó é uma lenda. Jó foi um homem real, que viveu numa geografia real e num tempo real. Ele foi o homem mais piedoso de sua geração e o mais rico do Oriente. Ele tinha bens, família e amigos. Satanás insinuou que Jó servia a Deus por interesse e que Deus precisava suborná-lo com bênçãos para receber dele adoração. Deus permitiu Satanás tocar nos seus bens, nos seus filhos e na sua saúde. A despeito do sofrimento atroz que isso lhe trouxe, Jó permaneceu íntegro e não blasfemou contra Deus.

            Jó sofreu cinco golpes dramáticos na vida: ele perdeu seus bens, enterrou seus filhos e foi atingido por uma enfermidade maligna. Se isso não bastasse, sua mulher recomendou-o a desistir de sua integridade e amaldiçoar a Deus. Por fim, seus amigos vieram consolá-lo, mas acabaram atacando-o com pesadas e levianas acusações.

            Diante de tantos infortúnios, Jó fez três coisas: perguntou, queixou-se e se defendeu. Suas perguntas e suas queixas foram feitas a Deus, mas a resposta divina ao seu pleito foi o total silêncio. Quando Deus falou com Jó, não lhe respondeu nenhuma de suas perguntas nem esclareceu nenhuma de suas queixas. Ao contrário, Deus fez-lhe dezenas de perguntas retóricas, expondo de forma majestosa sua grandeza incomparável. Jó compreendeu a onipotência divina bem como seu soberano propósito. Jó reconheceu, ainda, que havia falado do que não entendia. Admitiu, finalmente, seu limitado conhecimento de Deus bem como a enormidade de seus pecados.

            Deus restaurou a sorte de Jó, quando este orou pelos seus amigos. E por quê? Até então, Jó estivera se defendendo das pesadas acusações; e quem se defende, tem no coração dor, mágoa ou no mínimo, sentimento de autojustiça. Quando Jó saiu da arena da autodefesa para a brecha da intercessão, sua cura brotou, sua restauração raiou e o Senhor lhe restituiu em dobro tudo que antes possuíra. Ninguém consegue orar por alguém e nutrir mágoa dessa pessoa ao mesmo tempo. A oração acompanhada de perdão abençoa quem ora antes de abençoar a pessoa por quem se ora.

            Satanás intentou destruir Jó, atingindo as cinco áreas vitais da vida: finanças, filhos, saúde, casamento e amizades. Deus, porém, restaurou essas cinco áreas. Primeiramente, curando-o de sua enfermidade. Jó viveu mais cento e quarenta anos e viu os filhos de seus filhos até a quarta geração. Deus, também, restituiu seus bens e deu-lhe em dobro tudo o que antes possuíra. Ainda, Deus restaurou suas amizades, pois os homens que o criticaram tiveram que vir a Jó, para Jó orar por eles. Deu ouviu a oração de Jó por seus amigos e os restaurou. Mas, Deus restaurou, de igual modo, o casamento de Jó, curando suas feridas emocionais, provocadas pelas tempestades da vida. Deus pegou os cacos e fez um vaso novo. Deus curou o coração de Jó e renovou o seu amor por sua mulher. Eles tiveram lindos dias dali para frente, pois o melhor daquilo experimentaram até então foi medida mínima do que Deus fez neles e por eles dali para frente. Por fim, Deus restaurou os filhos de Jó, pois se antes ele tivera dez filhos, sendo sete homens e três mulheres, agora, de igual modo, ele teve mais dez filhos, sete homens e três mulheres. Agora, Jó tem dez filhos no céu e dez filhos na terra. Deus restaurou a sorte de Jó e restaurou completamente.

            Deus não deu a Jó explicação, mas deu-lhe restauração. Os tempos mudaram, mas Deus é imutavelmente o mesmo. O que ele fez, ele pode fazer de novo, conforme o seu poder, e para o louvor de sua glória. A suma de tudo o que aprendemos com a história de Jó é que Deus tudo pode e os seus planos não podem ser frustrados.

Rev. Hernandes Dias Lopes

12 comentários em “QUANDO DEUS RESTAURA A NOSSA SORTE”

  1. Iracilda Ramos dos Santos

    Reverendo Hernandes Dias Lopes,Graça e Paz.
    Suas pregações tem sido meu alento nesses dois meses de luta emocional e de doença familiar. Deus atraiu meu coração novamente,quando estava um carvão quase apagando. Deus continue usando o senhor no ministério que Ele te concedeu. Grata.

  2. Alão Andrade Luz

    Amém, glórias a Deus! Estou aprendendo muito com suas mensagens… e o Espírito Santo me deu um grande renovo ouvido-as
    Por isso Eu glorifico a Deus!!!!
    🙌🙌🙌🙌🙌🙌🙌🙌🙌

  3. Maria Isabel de Sousa Nunes

    Amém! Muito obrigada por tão confortantes palavras, pastor! Elas vieram ao encontro da minha necessidade, nestes dias. Dias de angústias, mas, crendo que logo serão dias de vitória. Deus abençoe sua vida!

  4. ANÍSIA CARMEN DE SANTANA

    Tem sido uma bênção pra mim e para minha família, assistir as pregações e estudos bíblicos no canal do YouTube. Que o Altíssimo abençoe grandemente sua vida, Pr. Hernandes.
    Anísia Santana. Igreja do Nazareno em Jardim Atlântico-Olinda/PE.

  5. Rodrigo Lima dos Santos

    Deus é soberano e todos Os Seus Planos são perfeitos e infalíveis!

    Graça e Paz Amado!

    Att,

    Rodrigo Lima
    Mamanguape – PB

  6. Fernando Dias de Souza

    O sofrimento nem sempre tem explicação, mas sempre tem propósito. Deus não desperdiça aflição na vida de seus filhos. Cada dor sentida é uma bênção que vem chegando, assim como as dores da parturiente fazem parte da realização de dar à luz uma criança, as tribulações do servo de Deus prenunciam as alegrias que ele tem reservado aos que o amam.

  7. Fabiana Cristina de Souza Moro

    Que lindo . Nunca tive este Anglo da vida de Jó , já tinha ouvido e lindo mais estou emocionada . Muito obrigado.

  8. Ribamar Rodrigues

    Deus levantou o senhor Pr. Hernandes Dias Lopes, como um baluarte e porta voz de Deus para restaurar vidas. Que o SENHOR continue lhe usando grandemente.

Deixe um comentário para José LUIZ DORTA Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *