O ministério dos anjos

Temos hoje dois extremos acerca dos anjos: uns enveredam-se pelo lado do misticismo, vendo anjos por todo lado, dando uma super ênfase em seu ministério, chegando alguns às raias da adoração de anjos e outros, que de forma cética negam a existência, o ministério e ação dos anjos hoje.
Os anjos existem mesmo? Desde quando? Para que eles existem? Qual é a importância do trabalho deles?

1. Quem eles são?
Os anjos foram criados por Deus. Portanto, eles não são auto-existentes, nem auto-suficientes, nem eternos. Os anjos são seres espirituais, poderosos, numerosos, eles não se casam, não se reproduzem, não morrem.

2. O que eles fazem?
a) Os anjos existem para louvar a Deus;
b) os anjos existem para cumprir com obediência absoluta as ordens de Deus;
c) os anjos existem para trabalhar em favor dos que herdam a salvação: livram – hospedam-se – protegem – trazem consolo – escoltam para o céu – separarão o joio do trigo – virão com os salvos do céu – congregação os salvos da terra – se alegram com a salvação do pecador;
d) os anjos existem para guerrear contra os demônios em nosso favor.

3. A importância do ministério dos anjos para a igreja
Quantas vezes já fomos protegidos de acidentes automobilísticos de forma milagrosa. Quantas vezes fomos poupados de homens maus e violentos (missionários). Quantas vezes fomos socorridos em lugares ermos. Quantas vezes alguém nos ajudou em hora de aperto sem deixar a menor pista. Quantas vezes já hospedamos anjos sem saber. Quantas vezes eles já lutaram por nós nas regiões celestes. Eles serão nossos eternos companheiros no céu. Vamos nos integrar a eles no paraíso.

4. Vamos ser semelhantes e diferentes dos anjos
Vamos ser semelhantes aos anjos no sentido de: ao entrarmos no céu não mais casaremos sem mais reproduziremos. Seremos semelhantes aos anjos no sentido que jamais morreremos. Seremos semelhantes no sentido que faremos a plena vontade de Deus. Seremos semelhantes no sentido do nosso ministério serviremos a Deus e o louvaremos para sempre e sempre. Porém, seremos diferentes dos anjos no sentido de que no céu teremos sempre um corpo glorificado semelhante ao corpo da glória de Cristo e os anjos não têm corpo. Seremos diferentes porque os anjos nunca foram redimidos porque eles nunca caíram. Seremos diferentes porque seremos filhos adotados e nascidos do Espírito de Deus e eles sempre serão criaturas de Deus, mas não filhos. Os anjos são diferentes porque eles foram criados, mas não formados. Eles são diferentes porque são um batalhão e não uma raça. Eles são diferentes porque embora hoje mais valorosos em poder, não terão a mesma exaltação que teremos ao sermos feitos filhos de Deus e recebermos um corpo glorificado.

5. O ministério dos anjos continua hoje?
Ele existe. Os anjos não dormem, não tiram férias. Eles são ministros. São feitos ventos. Eles agem diuturnamente. O diabo tenta se fazer de anjo para enganar as pessoas. Eles estão ao nosso redor. Eles nos vigiam, nos guardam. Eles estão perto de nós. O mundo está povoado deles. Eles são milhões de milhões. Eles são guerreiros. Eles são adoradores. Eles trabalham em nosso favor. Eles são em maior número que os nossos adversários. Estamos do lado do vencedor!

Rev. Hernandes Dias Lopes.

4 comentários em “O ministério dos anjos”

  1. Muito bom esta pastoral sobre o ministério dos anjos… hoje, pouco se fala sobre os anjos; e, quando é feito, está cheio de distorções teológicas.
    É raro encontrar um artigo exegeticamente fundamentado na hermenêutica bíblica sobre os anjos. É raro um sermão aprofundado sistematica e homiléticamente sobre a origem e ministério dos anjos.
    Há muitos textos bíblicos que enfocam as funções dos anjos, mas em seu artigo não aparece um sequer.
    Vi outras pastorais de sua autoria, no entanto, elas são bem mais elaborada homiléticamente e mais profunda em seu conteúdo. Creio que você tenha se desenvolvido mais de 2004 até hoje, 2010. Assim, creio que você poderia desenvolver um novo artigo ou até mesmo um belo sermão sobre a origem e ministério dos anjos!
    Pelo que vi, ninguém colocou nenhum artigo seu desta forma… todos elogiam seus artigos, não sou diferente – apenas neste, em especial, me pareceu mais superficial. Todavia, acredito em seu potencial. Que Jeová o bendiga!

  2. Muito estou a observar ou a fazer um estudo imaginario sobre os anjos de Deus, eu acredito na existencia dos anjos porque ja vi anjos nao com os meus olhos mas, varias vezes senti ou sinto a presenca deles ao meu lado. Eles falam connosco ( coisas que imaginamos e nos da vontade de sorrir, no alheio), eles nos abracam ( de vez em quando o nosso corpo fica arrepiado ou sentimos algo a ferver dentro do corpo, uma emocao).

  3. Só uma observação, quem são os filhos de Deus apresentados em Jó 1.6 – ‘…e num dia em que os filhos de Deus vieram apresentar-se perante o Senhor…”  não seriam os anjos os filhos de Deus nesse texto?

  4. Anjos.
    Os Anjos são criaturas espirituais e celestiais criadas por Deus para servir a Javé Deus e ser seus mensageiros.Anjo é tradução do Hebraico:Malakh e Grego: Angelos que significa:Mensageiro.

    Tipos de Anjos:
    1- Anjos: são mensageiros de Deus que servem a Deus( Salmo 103:20,21).

    2-Querubins:são guardiões que ficam próximo ao trono de Javé.

    3-Serafins:São Anjos que ficam próximo ao trono de Javé e tem 6 assas.

    4-Arcanjos: a palavra Arcanjo significa: Anjo principal.embora nos relatos bíblicos só citarem o Arcanjo Miguel isso Não que dizer que Não existe outros.

    Outros tipos de Anjos.
    Outros teólogos classificam outros tipos. Como tronos,Potestade, Cominações,hostes e virtudes.

    Os únicos Anjos mencionados biblicamente por nome são Miguel e Gabriel.

    Os Anjos protegem os Servos de Deus.

Deixe uma resposta para Rebeh Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *